Os avanços dos municípios do Norte em 2018

11/12/2018 | Conviva Educação

A organização da equipe, o trabalho em diferentes áreas de gestão, o envolvimento das escolas e o foco para os resultados marcaram o trabalho das secretarias de educação em 2018. Você já viu as reportagens que publicamos anteriormente com os exemplos do Nordeste, Centro-OesteSudeste e Sul. Abaixo, leia os depoimentos das secretarias de Abreulândia (TO) (foto acima), Campo Novo de Rondônia (RO) e Manicoré (AM).

 

Divisão de tarefas e bons resultados compartilhados em Abreulândia, Tocantins

“A forma como usamos o Conviva segue a mesma organização da secretaria. Cada setor fica responsável por consultar os conteúdos e pela atualização das ferramentas correspondentes à sua área. A equipe de alimentação escolar comenta ter os dados muito mais organizados desde que passou a elaborar o cardápio no Conviva e enviá-los para as escolas. A equipe pedagógica tira dúvida sobre leis e segue o calendário elaborado na ferramenta própria para isso. Dividimos as tarefas também com as escolas, que ficam responsáveis por manter atualizados os dados de seus alunos e profissionais.

  

Ter essas informações em dia facilita muito o trabalho da secretaria, já que é possível organizar matrículas, documentação e transferências com poucos cliques e muita precisão! Nosso transporte também apresenta melhorias: agora temos acesso à quilometragem, rotas e veículos que fazem o serviço com as crianças. Por tudo isso, vimos como em 2018 economizamos tempo e tivemos mais facilidade em nossa gestão.” Depoimento de Maria Elenita Moura, Dirigente Municipal de Educação de Abreulândia (TO).

 

 

No computador ou no aplicativo, os resultados das boas práticas de gestão em Campo Novo de Rondônia, estado de Rondônia

“Quando estou longe do computador, é no aplicativo do Conviva que verifico as notícias e conteúdos sobre gestão da educação. Na secretaria, o uso da plataforma é constante. Já em 2017 começamos a fazer um monitoramento mais intenso das escolas. A área pedagógica da secretaria aplicou o questionário da ferramenta de Espaços Escolares do Conviva, acompanhou as turmas dentro das salas de aula e orientou os diretores. Isso resultou em um maior comprometimento do trabalho pelas equipes e um direcionamento do planejamento da secretaria.

Em 2018, foi a vez de fazermos nossa primeira avaliação municipal. A primeira prova já foi aplicada e a segunda será realizada no fim do ano letivo. Com os resultados do primeiro semestre em mãos, pudemos analisar os acertos e os erros dos estudantes e fazer devolutivas para que as escolas explorassem o que era preciso avançar. Trabalhamos muito neste ano, com diversas estratégias para apoiar nossas escolas e estudantes para melhoria da educação: o Programa Mais Alfabetização, o PNAIC e o Novo Mais Educação fizeram parte de nossa rotina, assim como os estudos da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Estamos montando uma escola de formação continuada com foco nas dificuldades dos alunos, organizando o repasse direto para a escola, planejando quais serão as ações da semana pedagógica que antecede o ano letivo de 2019 e fazendo a integração do planejamento municipal e das escolas.

  

Na plataforma Conviva, temos preenchido nossas informações e vendo como o retrato da secretaria vai se desenhando. O cardápio escolar já tem sido elaborado, assim como o lançamento de gastos da alimentação escolar e os contratos da área. Estamos nos organizando para preencher os dados dos profissionais e incluir as rotas, usufruindo da facilidade de relatórios para gestão do transporte escolar. Além disso, aproveitamos as videoconferências e consultamos os dados que chegam do Conviva por email. O crescimento de nossa secretaria ocorre dia a dia!” Depoimento de Wilma Aparecida do Carmo Ferreira, Dirigente Municipal de Educação de Campo Novo de Rondônia (RO).

 

 

Em Manicoré, no Amazonas, praticidade para escolas e secretaria

“Nossas escolas estão cadastradas na plataforma Conviva. Fizemos uma palestra para as equipes, disponibilizamos materiais e vídeos, e desde então compartilhamos o uso. Elas ficam de olho nas leis, programas do Ministério da Educação e nas informações sobre merenda e transporte, já que essas áreas afetam diretamente o funcionamento das escolas. Elas relatam ser simples encontrar as informações na plataforma e que são simples e diretas, de fácil entendimento.

 

As unidades localizadas na zona urbana já atualizaram as informações sobre seus estudantes depois da importação dos dados do Censo Escolar 2017. Nós, na secretaria, ficamos responsáveis pela atualização dos dados dos estudantes da Zona Rural. Esse movimento coletivo facilitou muito nossa gestão! Ficou fácil monitorar o número de alunos em cada local, fazer o repasse de merenda, o controle de material utilizado ou do que precisa ser adquirido, além de quantos professores precisam ser contratados ou lotados. A organização da rede ganhou agilidade!

Em 2017, fomos premiados pelo articulador do estado pelo nosso uso qualificado da ferramenta de receitas e despesas. Desde aquele ano também utilizamos a ferramenta de calendário do Conviva para organização do ano letivo. A praticidade no cálculo automático dos dias letivos e de datas comemorativas, por exemplo, fez com que deixássemos de lado os programas utilizados anteriormente.

Para 2019, nossa ideia é manter atualizadas as áreas de transporte escolar e a lotação dos funcionários nas ferramentas do Conviva, fazer nosso controle dos gastos na plataforma, e apresentar para as merendeiras as possibilidades de uso desse sistema de gestão”. Depoimento de Áderson Luiz Viana de Lima, técnico da Secretaria Municipal de Educação de Manicoré (AM).

Notícias Relacionadas