Carregando

Informações Falsas

01/04/2020 | Undime

O site do Ministério da Saúde criou um canal (https://www.saude.gov.br/fakenews) para que os usuários possam acompanhar e tirar dúvidas sobre a proliferação do coronavírus (Covid-19). A disseminação de notícias falsas nas redes sociais e aplicativos de mensagens podem gerar pânico e causar impactos negativos na sociedade.

Além do portal, qualquer usuário pode confirmar a veracidade de notícias e imagens recebidos pelo WhatsApp (61) 99289-4640 ou pelo Disque Saúde 136.

Dicas de prevenção, sintomas, formas de transmissão, mapa de unidades de saúde e notícias oficiais sobre o coronavírus em um só lugar também estão disponíveis no aplicativo Coronavírus-SUS. Criado pelo Ministério da Saúde para informar a população, o app é gratuito e está disponível para celulares com sistema Android e IOS.

Inep alerta sobre golpe que utiliza o nome da autarquia e do Censo Escolar

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) esclarece que não solicita dados pessoais de usuários do Sistema Educacenso, referentes aos alunos, gestores ou profissionais escolares, por telefone, e-mail ou outros canais. Segundo o Inep, a única forma de coleta de dados pessoais ocorre por meio da declaração no Sistema Educacenso.

O Inep esclarece ainda que, apesar do avanço da epidemia do Covid-19 e das medidas de distanciamento social adotadas no Brasil, a autarquia não modificou a sua forma de contato com as secretarias estaduais e municipais de educação e com as escolas. "Continuamos a utilizar somente os meios oficiais de comunicação, como o portal do Inep, os e-mails institucionais (@inep.gov.br) e as redes sociais do Instituto". Saiba mais aqui: https://bit.ly/2QOT6yU

Vídeo que circula nas redes sociais cuja legenda diz que o MEC quer que os alunos voltem às aulas em plena pandemia é falso

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) divulgou nota oficial, no sábado (28/3), em que afirma que o vídeo que tem circulado nas redes sociais cuja legenda diz que o Ministério da Educação (MEC) quer que os alunos voltem às aulas em plena pandemia é falso. De acordo com a nota, "Quem editou e divulgou o vídeo utilizou uma informação descontextualizada e, principalmente, de um período em que não enfrentávamos o que estamos enfrentando hoje, a suspensão de aulas na maioria das escolas públicas do país". Saiba mais aqui: https://www.fnde.gov.br/index.php/acesso-a-informacao/institucional/area-de-imprensa/noticias/item/13427-v%C3%ADdeo-que-circula-nas-redes-sociais-cuja-legenda-diz-que-o-mec-quer-que-os-alunos-voltem-%C3%A0s-aulas-em-plena-pandemia-%C3%A9-falso

Prevenção

Para evitar a proliferação do vírus, o Ministério da Saúde recomenda medidas básicas de higiene, como lavar bem as mãos (dedos, unhas, punho, palma e dorso) com água e sabão, e, de preferência, utilizar toalhas de papel para secá-las. Além do sabão, outro produto indicado para higienizar as mãos é o álcool gel, que também serve para limpar objetos como telefones, teclados, cadeiras, maçanetas, etc. É importante lembrar de cobrir nariz e boca ao espirrar ou tossir; evitar aglomerações se estiver doente; manter os ambientes bem ventilados e não compartilhar objetos pessoais. Na limpeza doméstica, é recomendada a utilização dos produtos usuais, dando preferência para o uso da água sanitária (em uma solução de uma parte de água sanitária para 9 partes de água) para desinfetar superfícies.

Notícias Relacionadas