Resultados do Saeb 2017

07/01/2019 | Inep

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) apresenta esta narrativa multimídia com os principais resultados do ano de 2017 do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). O objetivo é apresentar os resultados em um formato ilustrado, didático e em várias linguagens: documentários, gráficos, ilustrações, infográficos e animações. Com isso, o Inep busca ampliar o alcance dos seus resultados e oferecer subsídios para a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas educacionais, como também para a produção de análises e estudos.

Estrutura da narrativa

Na primeira parte, vamos começar apresentando o Saeb e sua estrutura; em seguida, vamos apresentar um caso de sucesso na educação pública brasileira, que é a Rede Estadual do Espírito Santo e como se deram seus avanços, principalmente no Ensino Médio; depois vamos apresentar os principais resultados do Saeb, contextualizando o público alvo da avaliação.

Após entender a importância do Saeb e seus principais resultados, vamos te ajudar a compreender todas as funcionalidades do boletim da sua escola. Finalmente, vamos apresentar as principais mudanças do Saeb para 2019.

O que é o Saeb?

O Saeb é um processo de avaliação em larga escala realizado periodicamente pelo Inep. O Saeb oferece subsídios para a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas com base em evidências, permitindo que os diversos níveis governamentais avaliem a qualidade da educação praticada no país.

Os resultados de aprendizagem dos estudantes, apurados no Saeb, juntamente com as taxas de aprovação, reprovação e abandono, apuradas no Censo Escolar, compõem o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Por meio de testes e questionários, o Saeb reflete os níveis de aprendizagem demonstrados pelo conjunto de estudantes avaliados e contextualiza esses resultados a partir de uma série de informações contextuais.

Os níveis de aprendizagem estão descritos e organizados de modo crescente em Escalas de Proficiência de Língua Portuguesa e de Matemática para cada uma das etapas avaliadas.

Na edição de 2017, o Inep visitou mais de 73 mil escolas, e mais de 5,4 milhões de estudantes fizeram os testes de Língua Portuguesa e de Matemática nas etapas do 5º ano do Ensino Fundamental, 9º ano do Ensino Fundamental e 3ª série do Ensino Médio. Além disso, foram aplicados questionários contextuais para estudantes, professores e diretores, e o questionário da escola. Os instrumentos foram aplicados entre 23/10 e 3/11/2017.

Nessa edição, além do 5º e 9º anos do Ensino Fundamental da rede pública, a 3ª série do Ensino Médio participou de forma censitária. Outra novidade foi a adesão das escolas da 3ª série do Ensino Médio da rede privada.

Um exemplo vindo do Espírito Santo

A rede estadual de educação do Espírito Santo é um ótimo exemplo para o Brasil. O Estado vem demonstrando um crescimento constante ao longo das últimas edições do Saeb. Em 2017 eles se destacaram em todas as etapas avaliadas e obtiveram os maiores índices de desempenho do Brasil no Ensino Médio.

O sucesso se explica principalmente pela capacidade que a gestão do ES teve em olhar para o restante do Brasil e se inspirar em outras experiências, como Ceará, Pernambuco e Goiás. A trajetória do Espírito Santo pode nos mostrar que para conseguir bons resultados "não é preciso reinventar a roda". Nesta série de vídeos que apresentaremos agora, a equipe do Inep foi até o Estado e registrou histórias de estudantes, professores, gestores e comunidade.

Haroldo Rocha, Secretário de Educação, e a Sub-Secretária Andressa Buss Rocha apresentaram três projetos prioritários da sua gestão na Secretaria de Educação do ES. Estes projetos são:

Vamos explicar um pouco sobre estes projetos nos mini documentários abaixo.

Jovem de Futuro e a escola Francisco Nascimento

O Projeto Jovem de Futuro se confunde com a história da Escola Francisco Nascimento. Uma escola que tem um foco muito claro em aprendizagem e que utiliza das ferramentas de gestão do Projeto Jovem de Futuro para garantir que todos os estudantes estejam aprendendo, e ninguém fique pra trás.

Neste vídeo vamos conhecer duas jovens estudantes, Ildinara e Samara. Ambas tiveram dificuldades de aprendizagem, mas a partir de um cuidado personalizado da escola, elas conseguiram se recuperar, e hoje são estudantes exemplares. Veja a história.

 

Escola Viva

Apresentamos agora a Escola Viva São Pedro, uma escola que teve grande avanço em aprendizagem a partir de um projeto pedagógico que coloca o protagonismo dos estudantes e a realização dos seus sonhos em primeiro lugar. Ela é um exemplo do programa Escola Viva, que tem ganhado grande espaço no ensino médio do Estado.

 

Domingos Martins — Resolução de problemas aplicada a comunidade

Nós visitamos o povoado de Paraju, no município de Domingos Martins, na região das serras do Espírito Santo, uma região de população agricultora, e povoada por imigrantes pomeranos. É na escola Gisela Saloker Fayet que se registram os melhores resultados no Saeb de todo o Estado. No mini documentário abaixo, estudantes, professores e a diretora da escola compartilham as estratégias e os aprendizados que permitiram a esta escola avançar tanto no Saeb.

 

Agora que já conhecemos a experiência de sucesso do Espírito Santo no Saeb, vamos apresentar alguns dados do público alvo dessa avaliação e os resultados do Saeb 2017.

 

PARA ACESSAR O MATERIAL ELABORADO PELO INEP NA ÍNTEGRA E SEUS RECURSOS MULTIMÍDIA, ACESSE ESTE LINK.

Notícias Relacionadas